Juros para os consumidores é o menor desde 1995

Aos poucos nosso país vai seguindo um novo rumo já é possível perceber uma queda na taxa básica de juros (Selic), com seu inicio pelo Banco Central no mês de agosto de 2011 para as operações de credito. Segundo a Anefac Associação Nacional de Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade, a taxa média passou de 6,25% para 6,18% de abril a maio e 106,99% para 105,36% ao ano. Foi a menor taxa média já registrada desde 1995, quando iniciou o levantamento das taxas para pessoa física.

As operadoras de cartão de credito mantiveram suas taxas em 10,69% desde maio do ano passado, já para cheque especial caiu de 8,28% em abril para 8,24% em maio, mas ainda é maior que ano passado 8,12%.

Segundo Anefac “As taxas de juros das operações de crédito foram novamente reduzidas em maio, sendo esta a quarta queda no ano das taxas de juros para pessoa física e a quinta redução das taxas para pessoa jurídica”.

A associação da é atribuída à redução da Selic, especialmente à redução de 0,50 ponto porcentual (de 9% para 8,50%) na passagem de abril para maio. A maior competição no sistema financeiro provocada pelos bancos públicos também estimulou a queda das taxa de juros.

Falando em pessoas juridicas a taxa média geral de juros passou de 3,63% ao mês em abril para 3,54% em maio. Ao ano, a taxa caiu de 53,40% para 51,81% – também a menor registrada na desde 1999, início da série histórica.

Neste segmento, os juros médios sobre as operações de crédito para capital de giro ficaram em 2,01%, abaixo dos 2,16% de abril e dos 3,14% de maio do ano passado. A conta garantida, que é o cheque especial dos empresários, teve a taxa média mensal reduzida de 6,05% em abril para 6,02% em maio, mas ainda elevada se comparada com os 5,74% de maio do ano passado.

 

Deixe um comentário

© 2017 Como Economizar Dinheiro. Todos direitos reservados. Site Admin · RSS · Comente RSS
Desenvolvido por: ·